segunda-feira, 6 de agosto de 2012

1987.

É preciso entender que, por mais que o tempo passe, tem coisas que permanecem intactas. A única coisa que o homem leva dessa vida é a lembrança. Lembrança do que passou, do que marcou e do que nunca, mas nunca mais vai voltar. O tempo passa como um foguete, como eu não percebi que não era pra sempre? Como um retrato velho que, se hoje parece desbotado, um dia já teve todas suas cores reunidas, a gente precisa entender que não é todo dia que um arco íris vai aparecer na nossa janela e que nem todo dia vai ser especial, mas quando esse dia chegar, ah, aí então ele será único, e a gente vai usar essa lembrança como impulso, para que se dias como esse nunca mais se repetirem, que pelo menos eu os tenha guardado comigo para sempre.

5 comentários:

  1. Eu costumo de dizer que se tivessem uma máquina do tempo eu seria a primeira a comprar. Mas eu só digo isso pq sei que não existe uma. Eu gosto de pensar que há coisas na vida que são feitas para se desbotarem com o tempo, assim como essa foto ai um pouco desbotada. Se todos os momentos pudessem ser vividos sempre, quando quiséssemos acharíamos um jeito de desvalorizá-los. Só acho triste que a gente aprenda que tudo tem seu valor especial quando já estamos um pouco mais velhos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo plenamente, tudo só é mais intenso pela certeza de que nada pode ser repetido. Com um máquina do tempo esses momentos infelizmente ficariam desvalorizados.

      Excluir
  2. Muito bom! ˆˆ E também concordo com a Juliana Caulo, rs. Lembranças são apenas lembranças, afinal. E é importante que seja assim. Acho que o maior risco da máquina do tempo seria o problema de querer voltar e refazer tudo, de novo e de novo. (Coisas que aprendemos com filmes antigos como "De Volta Para O Futuro" hahahaha)
    Fazia tempo que não visitava seu blog... Erro meu. Preciso me lembrar de voltar aqui mais vezes! Gosto muito da maneira que você escreve, sempre me faz refletir sobre várias coisas. hahaha

    Beijos,
    Dany Bueno.

    ResponderExcluir
  3. Como pode né? Passou anos que escuto sua música e que admiro tudo que você pensa/escreve.
    Sinto falta de escrever e mostrar para alguém ou para mim mesma que a vida é muito mais bonita ou surpreendente do que parece.
    Acho que você deveria fazer um projeto, um livro talvez de textos reunidos, ou talvez voltar aos palcos como antigamente... acho que ajudou muita gente, e hoje eu vejo que a ajuda que precisei quando era imatura para pensar sozinha, não foi amigos que me deram e sim a sua poesia!
    Muito obrigada, e continue escrevendo/cantando o mundo precisa de pessoas como você.
    um grande abraço :D

    ResponderExcluir
  4. Opa,boa tarde,Olha eu aqui denovo,blog muito bom,sempre que dá passo por aqui,continua postando ai,quero ver isso aqui cada vez melhor,alguem ai sabe desse site http://www.rastreadorgps.org/ ? to querendo saber se é bom,dizem que rastrea carro,moto,pessoas até...alguem ja ouvir falar?abraços,bom trabalho ai com o blog que ta fera!

    ResponderExcluir